O FESTIVAL   ANTERIORES   BATERISTA MASTER   DISCOS BATUKA!   PUBLICAÇÕES   FALE CONOSCO
 
 
Rua Oscar Freire, 2500 | São Paulo | SP | Brasil

informações:

 

 

 
Dia 4 de dezembro, em Brasília, DF.

Compre seu ingresso agora!

 

Informações: WhatsApp: 61.98108 3238 | Fone: 61.99376 7918
E-mail: hugonovotempo@outlook.com

 

 
 


Clique na acima para comprar.
INGRESSO ÚNICO para a programação do dia 2 de dezembro.

 

 

       
 

 

Exposição de instrumentos e acessórios.
Gratuito.

 

ESPAÇO: AUDITÓRIO

             
   

Apresentação de performances, worshows e shows.
Ingresso válido para todas as atrações do dia.

 

ESPAÇO: TEATRO

   

 



CHRISTIANO ROCHA | MASTERCLASS
TEATRO


Ao longo de sua carreira, tem tocado e gravado com diversos artistas, no Brasil e no exterior, entre eles Ana Cañas, André Abujamra, Baby do Brasil, Chico César, Jorge Vercillo, Belchior, Beto Guedes, Celso Pixinga, Diogo Nogueira, Dominguinhos, Eric Marienthal, Faíska, Filó Machado, Ivan Lins, John Patitucci, Karnak, Nuno Mindelis, Paulinho Moska, Paulo Moura, Peninha, Rafael Bittencourt (Angra), Sá & Guarabyra, Sylvinho Mazzucca, Toquinho e Wander Taffo.
Acompanhou a cantora portuguesa Eugénia Melo e Castro entre 2002 e 2008. Em 2004 gravou o álbum DES CONS TRU Ç ÃO, com composições de Chico Buarque e que contou com a participação de Adriana Calcanhoto, Celso Fonseca, Jaques Morelembaum, Pedro Jóia, além do próprio Chico Buarque. Acompanha a cantora Adriana Godoy desde 1996, com quem gravou dois CDs: Todos os Sentidos (2003) e Marco (2010).
Desenvolveu, com o baixista Cláudio Machado, o curso Baixo e Bateria: Tocando Juntos! Lançou o livro Bateria Brasileira, o disco Ritmismo e o DVD Um par de baquetas e uma câmera em Barcelona.

Mais sobre Christiano Rocha...

 

| BRASIL |

 
 

 


BATE-PAPO | MÚSICA: MEMÓRIA, MERCADO E SEUS DESAFIOS
Com CHARLES GAVIN, VERA FIGUEIREDO e GIBA FAVERY
TEATRO
 

O cenário musical é rico em diversos aspectos. Não é somente o artista no palco, mas os discos e livros que lança, as produções que faz, a história que constrói.
Nesse bate-papo, três músicos abordarão temas importantes para se manter a memória musical do nosso país, enfrentar um mercado ainda muito complexo para o músico e lidar com os desafios ao longo de sua carreira.

CHARLES GAVIN
Sua trajetória como baterista conta com sua participação em diversas bandas da cena paulistana, com destaque para a Titãs, a qual integrou de 1985 a 2010.
Ainda como integrante da banda Titãs, já atuava como produtor musical e cultural. Entre seus trabalhos de destaque nessa área estão a remixagem e relançamento dos discos Secos & Molhados (1973) e Secos & Molhados (1974); curadoria, produção e coordenação da série Dois Momentos, projeto composto por 15 CDs; coordenação, produção e remixagem das gravações dos principais álbuns de Caetano Veloso na reedição de sua obra para o box set “Todo Caetano; idealização e produção da edição do livro “300 Discos Importantes da Música Brasileira, com participação dos jornalistas Tárik de Souza, Carlos Calado e Arthur Dapieve.
Desde 2006, atua como apresentador, além de dirigir, ao lado de Gabriela Gastal, o programa O Som Do Vinil, exibido semanalmente pelo Canal Brasil.

Mais sobre Charles Gavin...
 

VERA FIGUEIREDO
Professora e supervisora de cursos do IBVF | Instituto de Bateria Vera Figueiredo. Realiza workshops, masterclasses, participa de festivais nacionais e internacionais.
Lançou os discos Vera Figueiredo & Convidados, From Brasil e Vera Cruz Island, a vídeo-aula Os 40 Rudimentos, e o livro/play-along Vera Cruz Island – Brazilian Rhythms for Drumset (Hudson Music).
Vem tocando em diversos festivais, entre eles Percfest Memorial Naco e Italy PAS - Percussive Art Society (Itália), Mendoza International Drum Fest (Argentina), Days of Percussion (Suécia), Cape Breton International Drum Fest (Canadá), Kosa International Drum Event (EUA) e PASIC – Percusive Arts Society Convention (EUA).
Atualmente, vem se apresentando com o Vera Figueiredo Trio. É idealizadora, curadora e diretora artística do Batuka! Brasil.

Mais sobre Vera Figueiredo...
 

GIBA FAVERY
Estudou na Drummers Collective (Nova York), Berklee College of Music (Boston), Conservatório Souza Lima e no Clam, onde também foi professor. É coordenador do IP&T (São Paulo) e leciona bateria na Faculdade Cantareira.
Lançou quatro vídeo-aulas: Melhore sua Técnica, Rudimentos: Como Estudar e Aplicar, Vols. 1 e 2 e Conceitos, Estilos e Grooves de Contrabaixo e Bateria. É bacharel em música pela FAC-FITO, pôs graduado em música popular brasileira pela FACCAMP e mestrando em performance pela Unicamp.
Tocou e gravou com Cacique Jazz Combo, Cauby Peixoto, Celso Pixinga, Derico Sciotti, Fernanda Porto, Graça Cunha, Heartbreakers, Jair Rodrigues, Jair Oliveira, Luciana Mello, Mozart Mello, Nouvelle Cuisine, Paulo Moura, Secos & Molhados, Sandy e Junior, Sizão Machado, Willy Verdaguer e Zérró Santos Big Band, entre outros. Atualmente tem o seu trabalho com o Quinteto Giba Favery e faz parte outros grupos com: Anaí Rosa Quarteto, Quinteto do Zé, Mozart Mello Quarteto, Dino Barioni Quarteto, Farinha Seca e Havana Brasil.

Mais sobre Giba Favery...

 

| BRASIL |

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 


CHANTaSONIC | SERGIO BELLOTTI & WES WIRTH
WORKSHOW
TEATRO


CHANTaSONIC

Um duo centrado no groove e impulsionado pela dinâmica que explora a arte através de grooves livres, melodias cheias de alma e improvisos modernos.

SERGIO BELLOTTI | BATERIA

Nascido em Bari, Itália, mudou-se para os Estados Unidos, em 1995, estabelecendo-se em Boston.
Músico ativo no cenário musical de Boston, tem tocado, gravado e/ou dividido o palco com renomados músicos, entre eles Wayne Krantz, Tom Scott, Bob James, Robben Ford, Nathan East e Dan Siegel. Atualmente, ele é baterista da banda The Platters, que faz parte do Hall da Fama.
Como educador, tem ministrado workshops e atuado como professor na respeitada Berklee College of Music. Também vem se apresentado em festivais de música de diversos países, entre eles Montreal Drum Fest e Cape Breton International Drum Fest (Canadá), Berklee World Percussion Festival, PASIC e KOSA (EUA) e PASIC Itália.
Além de seu trabalho como professor na Berklee, que recebe estudantes de todas as partes do mundo, Sergio também é artista visitante na GM Drum School, em Torino, Itália. Também é membro do corpo docente do Conservatorio Della Svizzera Italiana, em Lugano, Suiça.
Com o baixista italiano Tino D’Agostino, fundou o Spajazzy, grupo de jazz fusion que lançou dois discos, ambos com a participação do guitarrista americano Mike Stern.

Mais sobre Sergio Bellotti...
 

WES WIRTH | BAIXO
“Nossa! Esse baixista é incrível.” Isso foi o que Carlos Santana disse, sorrindo, enquanto escutava o disco recente de Wes, quem regularmente se apresenta, dá aulas e grava na área de Boston, Estados Unidos. Tem tocado e gravado com diversos artistas, entre eles King Sunny, Chuck Mangione, Rakalam Bob Moses, Darren Barrett, Kenwood Denard, Stan Strickland e Dave Fuze Fiuczynski.
Atualmente, vem trabalhando em um disco de composições originais que ultrapassa os limites do baixo contemporâneo, o Super-Sonic. Há décadas, atua como membro do corpo docente do New England Conservatory.
Além de ter se graduado com honra, em performance de jazz e composição, pelo New England Conservatory, Wes também concluiu mestrado em ambas as áreas pela Harvard University. Ele cria enormes esculturas ambientais e está desenvolvendo uma inovadora fazenda para pesquisas na área de permacultura (sistema de planejamento para a criação de ambientes humanos sustentáveis e produtivos em equilíbrio e harmonia com a natureza).

Mais sobre Wes Wirth...

 

| ITÁLIA/EUA |

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

 

 


PITHY CAJONERO | PERFORMANCE
LOUNGE

Músico, percussionista, fabricante de instrumentos de percussão, em especial o Cajón, Pithy Cajonero tem atuado com diversos artistas, brasileiros e peruanos, realizado inúmeros workshops pelo Brasil, divulgando e difundindo o Cajón e sua cultura, sendo presença constante em diversas mídias.
Pithy Cajonero começou a pesquisar, desenhar, inventar e criar cajones de forma que o instrumento pudesse atender às necessidades da música e dos músicos brasileiros. Pithy tornou-se, a partir daí, oficialmente o Embaixador do Cajón Afro-Peruano no Brasil e um dos nomes mais respeitados na área.
Com o aval dos dois maiores especialistas em cajones do mundo, os peruanos Maria Del Carmem Dongo e Rafael Santa Cruz, Pithy e seu trabalho são hoje referências para percussionistas do pop ao jazz, do rock ao samba, do sertanejo ao gospel.

Mais about Pithy Cajonero...

 

| BRASIL |


 



DOM FAMULARO | WORKSHOW
TEATRO


Há cerca de quarenta anos, Dom Famularo tem viajado o mundo, pregando a palavra da bateria, inspirando estudantes e profissionais. Intenso, Dom é um dos mais respeitados artistas solo do mundo, com uma carreira construída exclusivamente sobre suas habilidades únicas como baterista, educador, autor e palestrante motivacional.
Além de diversas feiras de música e turnês de workshops, Dom é um educador atuante em faculdades, escolas de bateria e acampamentos.
Apresentou-se no Percussive Arts Society Convention (PASIC), Percussion Institute of Technology (PIT), em Hollywood, California; Drummers Collective in NY, KOSA Camp in Vermont USA, North Texas State University, no Graham Cole Percussion Camp, na inglaterra, e no Drummers Camp, na Black Forest, na Alemanha, entre muitos outros eventos.
Aluno dos lendários Joe Morello, Jim Chapin, Al Miller, Charlie Perry, Colin Bailey, Shelly Manne, Papa jo Jones e Ronnie Benedict, Dom combina primorosas técnicas do passado com conceitos contemporâneos, trazendo um estilo altamente criativo e pessoal de tocar bateria.
Também tem atuado como consultor de grandes empresas da música, além de ser consultor educacional para Sabian Cymbals, Promark Sticks, Evans Drumheads, Mapex Drums, Hudson Music e Wizdom Media.

Mais sobre Dom Famularo...

 

| EUA |

 
 
 
 

 


MAURÍCIO LEITE & TIME OUT| SHOW
TEATRO



MAURICIO LEITE

Um dos mais populares bateristas brasileiros, mantém uma sólida carreira solo com três discos gravados, dezenas de participações em discos como sideman, em diversos estilos, além de participações e produções em CDs e DVDs e trabalhos em TV.
Sua videoaula, Técnica! Conceitos & Aplicações, fez história, sendo recorde de vendas no segmento. Conta com mais de duzentos artigos publicados. Foi capa de revista e foi tema de matérias em jornais e revistas de todo o país.
Fez parte do lendário grupo V8 e tem se apresentado com o trio NUbalacobaco em alguns dos principais festivais de Jazz do Brasil.
Vem realizando uma média de sessenta workshops e clínicas por ano, desde 1997. Também já se apresentou em feiras de música internacionais, entre elas Musikmesse (Alemanha) Music China.
Seu grupo, Time Out, já conta com dois discos e dois DVDs gravados lançados, mantendo uma dinâmica agenda de shows pelo país.

Mais sobre Mauricio Leite...

TIME OUT TRIO
Power trio instrumental formado por Mello Jr (Guitarra), Celso Pixinga (Baixo) e Maurício Leite (Bateria), instrumentistas reconhecidos por suas carreiras solo e como sidemen e músicos de estúdio. Também se destacam na área didática, apresentando workshops pelo Brasil e exterior e participando de feiras de música nacionais e internacionais.
O primeiro disco do trio, Number Two, foi lançado em 2015 e teve grande repercussão na mídia especializada, levando a banda a atender uma extensa agenda de shows pelo Brasil.
O Time Out vem combinando apresentações onde compassos mistos, improvisos, solos, e a habilidade musical de cada um convivem com dinâmicas extremas e a surpresa do diálogo entre os instrumentistas.
Em 2017, o Time Out lançou o DVD Ao Vivo e de Verdade em São Paulo, lançado em formato digital e mídia física.

Mais sobre Time Out...

 

| BRASIL |

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
 
 


Clique na imagem acima para comprar.
INGRESSO ÚNICO para a programação do dia 3 de dezembro.

 

 

         
 

 

Exposição de instrumentos e acessórios.
Gratuito.

 

ESPAÇO: AUDITÓRIO

             
   

Apresentação de performances, worshows e shows.
Ingresso válido para todas as atrações do dia.

 

ESPAÇO: TEATRO

   

 



DANIEL BAEDER | WORKSHOW
TEATRO


Aos quatro anos, começou a ter aulas de piano e compor suas músicas. Aos onze, ganhou sua primeira bateria. Aos doze, começou a tocar profissionalmente. Aos quatorze, já dava aulas.
Aos quinze, Baeder participou do Batuka! Brasil, apresentando-se como performance de abertura dos quatro dias do festival. Aos dezesseis, juntou-se à renomada banda de rock fusion, O Terço, excursionando por todo o Brasil. Aos dezenove, gravou o disco d’O Terço como baterista e compositor. Desde então, vem participando de diversos festivais pelo mundo, gravando e compondo para diversos projetos, desde para trilha de teatro até livros infantis, e até mesmo para programas de televisão.
Sua carreira atingiu o ponto alto, quando se juntou ao Cirque du Soleil, em sua primeira criação brasileira, o espetáculo OVO. Como baterista, tocou no espetáculo, gravou o disco, participando de sua criação e, pelo mundo, de vários programas de televisão.

Mais sobre Daniel Baeder...

 

 

| BRASIL/JAPÃO |

 
     

 



BRUNO FELIPINI
| PERFORMANCE
TEATRO


Começou a estudar bateria aos onze anos de idade. Aos oito, assistiu à apresentação de uma banda, na escola. Pediu ao baterista para olhar de perto o instrumento, ele respondeu que não. Essa negativa foi o que alimentou a curiosidade do menino a respeito da bateria. Porém, antes de se aventurar como baterista, ele tentou estudar teclado. Não deu certo; a bateria venceu.
A primeira banda veio aos quatorze anos. De lá para cá, já tocou em diversas delas. O Metal é a sua linguagem, apesar de escutar uma diversidade de sons: Slipknot, Korn, Rammstein, Depeche Mode, Tears for Fears, Sepultura, Pink Floyd, Rush, entre outros.
Com a linguagem do Metal, ele vem inovando. Sua versão para “Delicado”, chorinho composto por Waldir Azevedo, ganhou peso, mas sem perder a dinâmica.
Bruno é professor de bateria na Escola de Música Lucchi Felipini.

Mais sobre Bruno Felipini...

 

 

| BRASIL |

 

 



ELOY CASAGRANDE | WORKSHOW
TEATRO


Eloy Casagrande é baterista da banda Sepultura. Ele ingressou na banda com apenas vinte anos de idade.
O interesse por instrumentos musicais de brinquedo foi notado pelos seus pais quando ele ainda era muito pequeno. Aos sete anos, ele ganhou uma bateria profissional, como resultado de uma excelente apresentação de final de ano da qual participou.
A cada apresentação, ele chamava a atenção da plateia pelo grande talento comparado a sua pouca idade. Pouco depois, ele passou a se apresentar em programas de TV, workshops e eventos musicais.
Em 2004, ganhou o II Batukinha! - Concurso Nacional de Bateristas. Participou do festival americano Modern Drummer’s Undiscovered Drummer Contest, em 2005, sendo o vencedor na categoria até 18 anos, e indo para os Estados Unidos se apresentar na edição do festival daquele ano. No mesmo ano, apresentou-se como artista convidado da 10ª edição do Batuka! Brasil.
Participou das bandas AcllA, Iahweh, 2OIS e Gloria, além de ser membro da banda de apoio do cantor André Matos.

Mais sobre Eloy Casagrande...

 

| BRASIL |

 
 

 

 

 


PITHY CAJONERO | PERFORMANCE
LOUNGE

Músico, percussionista, fabricante de instrumentos de percussão, em especial o Cajón, Pithy Cajonero tem atuado com diversos artistas, brasileiros e peruanos, realizado inúmeros workshops pelo Brasil, divulgando e difundindo o Cajón e sua cultura, sendo presença constante em diversas mídias.
Pithy Cajonero começou a pesquisar, desenhar, inventar e criar cajones de forma que o instrumento pudesse atender às necessidades da música e dos músicos brasileiros. Pithy tornou-se, a partir daí, oficialmente o Embaixador do Cajón Afro-Peruano no Brasil e um dos nomes mais respeitados na área.
Com o aval dos dois maiores especialistas em cajones do mundo, os peruanos Maria Del Carmem Dongo e Rafael Santa Cruz, Pithy e seu trabalho são hoje referências para percussionistas do pop ao jazz, do rock ao samba, do sertanejo ao gospel.

Mais about Pithy Cajonero... 

 

| BRASIL |

 
 
 

 


BATUKA! BAND | S
HOW
TEATRO


Formada por Chico Willcox (baixo) Ricardo Castellanos (piano/teclados), a Batuka! Band convida bateristas participantes do festival para um show com repertório variado. Os convidados são: Dom Famularo (EUA), Sergio Bellotti (Itália/EUA), Daniel Baeder (Brasil/Japão) e Vera Figueiredo (Brasil).

CHICO WILLCOX
Baixista que descende de três gerações de músicos, atua como sideman, produtor, arranjador e artista solo. Chico Willcox tem o jazz, o fusion, o funk e a música brasileira como principais influências. Lançou o disco “New Samba Jazz”, pelo selo suíço Autrisuoni Records, que recebeu excelentes críticas na Europa, Ásia, Estados Unidos e Brasil. Com o trombonista Bocato, Chico foi responsável pelos arranjos para Orquestra De Camara De Moscow, Jazz Sinfônica e Orquestra Municipal De São Paulo.
Reconhecido pela sua versatilidade, tocou com artistas Brasileiros, entre eles Bocato, João Donato, Guilherme Arantes, Emílio Santiago e Sandy & Junior, Jane Dubok e Toquinho. Pelo mundo durante shows ou jams tocou com grandes músicos, entre eles: Nguyen Le, Francis Lacius, Dominique di Piaza, Stephen Scott, Gerry Brown, Decebal Badila, Wolf Kerchek, David “Fingers” Haynes, Vast Eye Jackson, Joey Defrancesco, John Riley, Clayton Cameron e Fred Scheneider.
Suas gravações incluem participações com Eliane Elias, Paquito de Rivera, Mike Stern, Jojo Mayer, Leny Andrade, Emílio Santiago, João Donato, Wolf Kerchek, Romero Lubambo, Vera Figueiredo e Bocato.

Mais sobre Chico Willcox...
 

RICARDO CASTELLANOS
Nascido em Cuba em 1975, Ricardo Castellanos estudou piano erudito com Miriam Valdés (irmã do pianista Chucho Valdés) e Danae Ulacia, e percussão Erudita com Francisco Mela e Roberto Concepción. Em Cuba, tocou ao lado de Helena Burque, Omara Portuondo, Xiomara Laugart, Beatriz Marques, Alfred Thompson, Fernando Acosta, Emilio e Efrain Rios, Fernando Ferrer – com o qual fez parte da banda Raisón, considerada pela crítica internacional como uma das melhores representantes da música tradicional Cubana.
Radicado no Brasil há 15 anos, o pianista já tocou ao lado de Alaide Costa, Elza Soares, Cauby Peixoto, Jair Rodrigues, Roberto Justus, Guga Stroeter, Hector Costita, Hermeto Pascoal, Bocato, Arismar e Thiago do Espírito Santo, Zimbo Trio, Alexandre Mihanovich, Daniel d’Alcântara, Lito Robledo, Marina de la Riva, entre outros.

Mais sobre Ricardo Castellanos...

 

| CUBA/BRASIL |

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

APOIO CULTURAL
                 
   
               

|Realização|

  | Parceiro Institucional |   | Curadoria |
| Direção Artística |


Desenvolvido por Tramela

1996 - 2017 © Todos os direitos reservados.